top of page
IMG_1489.JPG

Direção de Arte 

Presencial

Sobre o Curso

O departamento de Direção de Arte é um dos mais criativos e multidisciplinares do audiovisual e uma de suas especificidades é a criação espaço-visual para a câmera.

O curso propõe apresentar o que é um projeto de arte desde seu início até o fim, do conceito e pesquisa de arte até sua materialização e visualização dos cenários construídos através das lentes da câmera.

A partir de exercícios práticos em grupo, cada aula colocará em destaque uma capacidade em especial, de modo a desenvolver habilidades individuais e coletivas. O programa tem cinco eixos de orientação: o primeiro, voltado ao desenvolvimento de um conceito de arte baseado num roteiro, cuja criação envolve relações com pesquisa, percepção de materiais e texturas e desenvolvimento de moodboard.

O segundo eixo é dedicado à apresentação das diversas funções e profissionais que compõem o departamento de arte e como elas dialogam entre si: assistência de arte, cenografia, produção de arte, produção de objetos, design gráfico e figurino.  O terceiro eixo é direcionado à criação de um projeto em grupo: da planta à maquete digital, dos desenhos técnicos até a apresentação completa do projeto de arte. Em seguida, o curso propõe a materialização do projeto de arte desenvolvido ao longo das aulas. Nesta etapa, conceitos básicos de cenotecnia e contrarregragem de frente darão apoio à execução e construção de um pequeno set e o dressing desse espaço.

O quinto eixo apresenta como espaço construído é apreendido pela câmera, sua configuração muda de acordo com os enquadramentos, os diferentes tipos de lentes e formas de iluminação. Como encerramento, o último encontro do curso é a avaliação das cenas filmadas nos sets criados pelos alunes, de modo que eles percebam a íntima relação entre direção de arte, espaço, visual, mis-en-scène e câmera.

As aulas contam com a presença de convidades atuantes no audiovisual brasileiro, com formações e experiências diversas, para que seja efetiva a troca de saberes e vivências dentro do audiovisual.

Conteúdo Programático

1. Departamento de Arte
 

Apresentação do que é Direção de Arte no cinema e no audiovisual, o que faz uma/um diretora/or de arte e exemplo de filmes icônicos que tenham um trabalho destacado da direção de arte na condução da narrativa. Apresentação do tema do projeto de arte e demais orientações para o curso.

5. Assistência de Arte
 

Apresentar o papel do assistente de arte, como essa função se relaciona com as demais, sua responsabilidade na organização do departamento, sendo o braço direito do diretor de arte.

9. Produção de Arte
 

Função dentro do departamento de arte que compra e aluga materiais, contrata mão de obra responsável pelo manejo da verba de arte e prestação de contas. O departamento de arte precisa desse nível organizacional, para que a criatividade expressa no projeto de arte e de cenografia seja executada da melhor maneira possível.

13. Projeto Executivo
 

Depois de conceitualizado, entra em campo o projeto executivo, com os cortes, elevações e descrições técnicas necessárias para a construção de um set, instrumental que advém da arquitetura. Serão apresentadas as linguagens técnicas necessárias para que os alunes desenhem os detalhes da construção de seus próprios projetos.

19. Pintura de Arte
 

Um cenário ou set adquirem vida e se enriquecem quando é empregada a pintura de arte, aquele acabamento fundamental que reconstitui, a partir de técnicas específicas, envelhecimentos, criação de materiais e texturas inexistentes no cenário, como tijolos, pedras, musgos, bolores, fissuras nas paredes, etc.

2. Pesquisa e conceito de arte
 

Para uma parte das/dos diretoras/es de arte, a pesquisa é a etapa fundamental na criação de um projeto. Mas, afinal, o que seria um conceito de arte? A partir de indagações que encaram a direção

de arte de maneira mais holística, alguns parâmetros serão fornecidos para que a pesquisa e criação do conceito de arte se firmem como etapa fundamental no desenvolvimento

de um projeto.

6. Visita Técnica
 

Visitação e estudo do espaço onde serão executados e materializados o projeto de arte do curso, tendo em vista fazer o reconhecimento do local através de anotações e fotografias, levantamento métrico e percepção dos materiais disponíveis que possam ser reutilizados.

10. Produção de Objetos e Decoração de Cena

Os objetos podem ter narrativas próprias e são fundamentais na decoração de um set, seja na escolha correta do mobiliário, seja no desenvolvimento do dressing fino. 

14. Projeto de Arte
 

Criação de um projeto de direção de arte a partir de um tema a ser definido desde a primeira aula. O que foi apreendido ao longo das aulas será utilizado: da pesquisa ao moodboard, da paleta de cores ao desenho do espaço. Aqui, a/o alune seleciona qual forma ele se sente à vontade para representar o espaço junto aos outros elementos de referência (objetos, materiais, paleta de cores, etc) e como organizar as informações em um arquivo em PDF.

20. Contrarregragem
 

O objetivo da aula é introduzir aos alunes o papel do contrarregra na equipe de arte e as diferenças da contrarregragem de frente e de set e suas atribuições.

 

Apresentação de algumas das ferramentas, técnicas e recursos usados nas montagens dos cenários, em especial durante o dressing.

3. Bíblia de Arte
 

Como organizar o material pesquisado na etapa precedente, de modo a criar uma coerência estética e conceitual?

 

Como apresenta-lo? A bíblia de arte pode ser uma importante ferramenta para apresentação da extensa pesquisa, que sinaliza o conceito que orienta o projeto de arte, e pode ser feita de diversas maneiras, através de

diferentes softwares voltados à apresentação de projetos.

7. Cenografia
 

A cenografia faz parte do guarda-chuva da direção de arte e desempenha papel

fundamental quando há intervenções em locação ou construções de cenários. Cabe ao cenógrafo não apenas o desenho técnico dessas construções, como também pensar nos materiais mais adequados ao projeto de arte, acompanhamento das construções e seus acabamentos.

11. Arte Gráfica
 

As artes gráficas estão ali, geralmente fora do quadro, mas sempre presentes

em detalhes que enriquecem a cena para os atores e equipe. Em nossa aula, vamos entender as competências do design gráfico em uma produção audiovisual.

 

15. Figurino
 

O figurino é responsável por uma grande parcela da imagem do filme. A aula apresenta o processo de criação do figurino, sua organização e relação com a direção de arte.

21. Direção de Fotografia
 

Afinal, construímos um cenário para a câmera e a parceria entre a direção de arte e a direção de fotografia é um importante arranjo estético para a criação de uma imagem que será única. Entender esse dispositivo técnico, os diferentes tipos de enquadramentos, lentes e janelas auxiliam na compreensão de como o espaço construído e pensado pela direção de arte sera visualizado através de câmera. 

4. Moodboard
 

A criação do moodboard tem em vista sintetizar o conceito visual que norteia o filme. Serão mostrados os vários tipos de moodboards utilizados por diretores de arte e como alune pode selecionar suas referências e organizar suas ideais.

8. Planta Baixa
 

Pensar o espaço é solicitar relações que advém da arquitetura. A planta-baixa é um elemento que direciona não apenas o departamento de arte, como também o da direção e da fotografia, ese baseia em normas técnicas para sua criação. Muitos filmes reverenciam a planta-baixa e a arquitetura como modelos visuais que orientam a relação dos personagens e do espectador como espaço.

12. Maquete Digital
 

Um dos softwares de mais fácil utilização para a apresentação de cenários em modelo tridimensional é o Google SketchUp e também um dos mais utilizados no audiovisual. Serão demonstradas noções básicas de modelagem e como criar o espaço tridimensional nesse software, bem como formas de apresentação das vistas, cortes e a finalização do arquivo.

16-18. Cenotecnia
 

A equipe de cenotecnia é um importante braço na construção de um cenário ou na intervenção em locações. Uma série de conceitos como diferentes tipos de tapadeiras, cortes, ferramentas básicas, etc, será apresentado para que os alunes

possam construir seus próprios cenários, com o auxílio de uma equipe de cenotecnia e num lugar apropriado para isso.

22. Análise do Material Filmado

Finalmente chegou o momento de analisar o material filmado no dia anterior, reconhecendo os alcances visuais da parceria entre arte e foto na compreensão do espaço e das ações dos personagens.

 

Um momento importante, que culmina no registro da imagem em movimento nos sets concebidos e construídos pelos alunes.

Confira algumas imagens da última Edição!

Coordenação e Corpo Docente 

Foto_Curaca_edited_edited.jpg

Laura Carvalho

Coordenadora

Graduada em Audiovisual pela Universidade de São Paulo e mestre em Teoria e Estética do Audiovisual pela mesma instituição de ensino. Como diretora de arte, assinou projetos nacionais e internacionais como os longas El Día es Largo y Oscuro (México), The Swamp Dead Man (ambos em finalização), Agreste e Abraço, as séries francesas Death Corner e Demain si J’y Suis. É alumni do Berlinale Talents 2021 e fez residências artísticas sobre arquitetura no Japão e no Brasil. É membra do Production Designers Collective e da Bra.da Coletivo de Diretoras de Arte do Brasil.

WhatsApp Image 2023-12-04 at 21.00.41.jpeg

Cris Rose

Figurino

Cristiane Rose Candido (Cris Rose) é figurinista e mestre em Moda, Cultura e Arte pelo Centro Universitário Senac. Com ampla experiência em figurino de TV, Cinema e Teatro. Na televisão, seus trabalhos aparecem em teledramaturgia de vários canais e mais recentemente na emissora SBT, onde atuou como coordenadora e diretora de figurino de teledramaturgia por mais de dez anos em novelas como Carrossel, Chiquititas, As Aventuras de Poliana e Poliana Moça, dentre outras. No cinema, assinou os longas Obra, Cidade Pássaro (Berlinale 2020) e também O Pai da Rita. No teatro, fez o figurino de Carinha de Anjo, o show Carrossel, o Musical, Branca de Neve e Zangado, o monólogo Em Busca de Judith e o musical Brasil Raiz. Atualmente também leciona figurino nas faculdades FAAP e Belas Artes.

WhatsApp Image 2024-05-24 at 16.17_edited.jpg

Danillo Arantes

Visita Técnica e Planta Arquitetônica

Arquiteto formado pela Universidade de Brasília e mestre em Production Design pela Universidade de Melbourne, encontrou no departamento de arte de produções cinematográficas a combinação perfeita entre suas paixões: a construção de narrativas, a criação de espaços e a comunicação visual. Parte de equipes de arte de produções da HBO, Grupo Globo, Disney e outros projetos independentes, Danillo vem atuando como assistente de arte e assistente de cenografia em projetos nacionais e internacionais desde 2018.

WhatsApp Image 2024-05-24 at 16.17_edited.jpg

Frances Sansão

Projeto Executivo

Arquiteta e urbanista formada pela UFRJ, trabalhou em escritórios com foco em arquitetura comercial. Há dois anos, migrou para o cinema e o audiovisual fazendo assistência de cenografia em séries para streamings como DNA do Crime (Netflix) e Máscaras de Oxigênio Não Cairão Automaticamente (HBO) e longas como The Grand Tour, Baby (ambos com estreias no 77º Festival de Cannes, 2024) e Evidências do Amor.

WhatsApp Image 2024-05-24 at 16.17_edited.jpg

Henrique Tomita

Contrarregragem

Trabalha no audiovisual desde 2017, tendo atuado em publicidades, curtas, longas e séries. No departamento de arte, exerceu funções como ajudante de arte, cenógrafo, assistente de arte e contrarregra de frente e de set. Seus últimos grandes projetos como contrarregra foram Santo Maldito, Cidade Invisível (2ª temporada) e DNA do Crime.

9f91e888-92ae-4736-9d71-c18ec2b5ff50.jpg

Juliana Di Grazia

Produção de Objetos & Decoração de Cena

Graduada em Historia (PUC) e Pós Graduada em Cinema Documentário (FGV). Atualmente mestranda do programa transdisciplinar de Estética e Historia da Arte na USP, desenvolve aspectos de uma metodologia de pesquisa em arte a partir de analise fenomenológica dos objetos.

 

Pesquisadora, conteudista, documentarista e principalmente Produtora de Objetos e Decoradora de Cena (set decorator) para projetos de ficção como os longasmetragens Hebe – a estrela do Brasil; Albatroz; Califórnia; Carcereiros; Somos tão Jovens, Tudo o que aprendemos Juntos; Os Amigos; As Boas Maneiras; entre outros... É pesquisadora da relação entre objetos e memoria, seus dispositivos disparadores de percepção quando apresentados em correlação.

 

Ministra a disciplina “Produção de Objetos e Decoração de Cena” como professora convidada na Pós Graduação de Direção de Arte do SENAC. É membro do conselho da APODEC – Associação dos Produtores de Objetos e Decoradores de Cena.

 

Atualmente divide seu tempo entre projetos de pesquisa, produção de objetos e decoração de cena; montagem de filme documentário; ilustrações,

meditação, cafés, caminhadas e bordados.

WhatsApp Image 2023-02-25 at 15.13_edited.jpg

Paula Miron 

Maquete Eletrônica  

Ex-aluna do Ateliê Bucareste e estudante de Arquitetura e Urbanismo. Tem realizado maquetes eletrônicas no audiovisual e na arquitetura. Atuou em publicidades como assistente de arte e trabalhou em grandes projetos audiovisuais como estagiária de arte: na série Cidade Invisível (2a temporada) e também no longa-metragem O Lado Bom em Ser Traída, da Netflix.

WhatsApp Image 2024-05-24 at 16.17.10.jpeg

Tayla Nicoletti

Arte Gráfica

Graduada em Cinema pela FAAP e pós graduanda em Ciências Humanas pela PUCRS. Como designer gráfica e ilustradora, atuou em editoras, agências, estúdios de design e de cartum. Desde 2018 atua exclusivamente como designer gráfica para cinema e TV, participando de mais de 30 projetos, entre eles Hard, Hebe (série), Modo Avião, Sete Prisioneiros, Turma da Mônica, a Série, O Rei da TV, Racionais, Mila no Multiverso, Senna, dentre outros.

WhatsApp Image 2023-12-04 at 21.00_edited.jpg

Tita Costa

Produção de Arte

Tem graduação em Rádio e TV e pós-graduação em Design de Interiores, trabalha no audiovisual há 18 anos. Em sua trajetória, já fez novelas, publicidades, longas, séries e realities. No departamento de objetos, assinou a produção para o longa Desculpe pelo Transtorno, fez vários filmes publicitários, e assinou a Coordenação para as séries Além do Guarda Roupa, para HBO Max, e DNA do Crime, para Netflix.
 

Como coordenadora e produtora de arte assinou os longas Internet Movie, Furnas Fundas e A Confissão, e as séries 3% (3a e 4a temporadas) e Onisciente, para Netflix, e Turma de Mônica, para Globoplay. Como Diretora de Arte, assinou o longa Amor no Divã e os realities A Fazenda, Power Couple, Are You the One, De Férias com o Ex e Queer Eye Brasil. Trabalhou em renomadas produtoras, como a Gullane Filmes, Boutique Filmes, Coração da Selva, Paranoid, Cine Cinematográfica, Floresta, Santa Rita Filmes e Biônica Filmes.

PróximaS tURMAS

1 a 27 de Julho de 2024

de 1 a 18 de Julho das 10h às 14h00

5 de Julho - Visita Técnica (Galpão de Cenografia)

de 19 de a 26 de Julho das 10h às 18h00

27 de de Julho das 14h às 17h00

Carga Horária: 107 Horas

Endereço:

Rua Padre Justino, 593 - Vila Pirajussara - Butantã

(1 a 19 de Julho e 27 de Julho)

Investimento

3.975,00 à vista ou

12x de R$ 365,00

*Associades APAN, APAA-PE, APAA-BA, APODEC BRA.DA, FIGA, FIAR, Mulheres Negras do Audiovisual, estudantes de universidades públicas (renda familiar de até 2 salários mínimos) e beneficiáries do Fies possuem 10% de desconto. 

**Ex-alunes da Bucareste possuem 10% de desconto. Caso  ex-alune faça parte das associações citadas, o desconto é de 15%. 

 

Inscriçã0

Obrigado! Em breve entraremos em contato.

bottom of page